O que é o lead no marketing digital?


Não é preciso muita pesquisa no universo do marketing digital para esbarrar com os tão famosos leads. Quem vive na área, ou investe nela, sabe a importância que essa palavrinha tem e como ela representa uma oportunidade para os negócios.


Cada vez mais, empresas buscam por uma forma de criar relacionamentos orgânicos com o público — e para isso é preciso de estratégia, afinal, criar uma presença online não é simples.


Segundo o relatório do Content Marketing Institute, a geração de leads está entre os três principais objetivos das organizações, no que diz respeito a estratégias de marketing.


Mas, o que é, de fato, um lead?


A seguir, explicaremos a você o que é um lead na prática, além de como gerar e nutrir essa relação que representa muito para os negócios no universo digital. Vem com a gente!

 

‘Lead’: o que isso significa na prática?



O lead é aquele usuário que demonstra interesse pela sua marca e fornece, voluntariamente, um meio para contato, seja através de um e-mail ou outra forma de comunicação que possibilite uma conversa. É um cliente em potencial, disposto a ouvir a sua marca.


Ele representa uma etapa anterior à compra, onde o objetivo é criar uma conexão entre marca e pessoa. Sendo assim, o seu lead pode não estar 100% preparado para receber uma oferta, porém, ele demonstra compatibilidade dos produtos ou serviços oferecidos pela empresa.


Por isso, não adianta bombardeá-lo com dezenas de produtos e ofertas.


Ao captar um lead, o seu foco deve estar em criar um relacionamento e fazer com que ele confie na sua marca, para, enfim, fechar negócio.


Afinal, hoje as pessoas estão online e dispostas a fazer negócios, comprar – principalmente se forem bem atendidas. Pesquisas apontam que 68% dos consumidores estão dispostos a gastar mais, caso recebam um bom atendimento. E isso é um fato!


Logo, nutrir essa relação com o seu lead é fundamental. Com as ferramentas disponíveis no meio digital, manter essa conversação é ainda mais fácil, pois é possível automatizar o processo e falar com mais pessoas simultaneamente.


Da geração de leads a manutenção dessas relações, cada etapa importa!

 

Qualificação de leads



O lead representa esta primeira etapa na relação entre marca e cliente. Então, o que vem em seguida?


Existem diferentes níveis de engajamento quando falamos sobre leads, que nos permitem segmentar os públicos de modo a determinar a melhor estratégia para cada um deles. No marketing digital, esse processo tem nome: qualificação de leads. Nesse momento, são separados os leads com maior oportunidade de conversão, daqueles com menor probabilidade.


Para cada grupo, há uma estratégia. Enquanto com aqueles que já estão mais avançados no processo de decisão de compra você pode utilizar uma comunicação mais assertiva; com os leads que estão mais atrás na jornada de compra, o foco deve estar em convencê-los.


Assim, são as métricas de envolvimento desses clientes em potencial com o conteúdo que vão direcionar as estratégias, de modo a chegar na conversão de fato.


Uma forma de gerar leads qualificados é através de artigos, CTAs, e-books, landing pages, webinars e pesquisas, onde o usuário oferece à empresa um meio para a comunicação, demonstrando, portanto, seu interesse.


13 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo